Muito sexo traz felicidade? Pesquisadores de Pittsburgh respondem essa questão

Posted on 6/05/2015 by UNITED PHOTO PRESS MAGAZINE

Quanto o sexo pode influenciar na felicidade de uma pessoa? A partir desta pergunta, tão presente na sociedade atual, cientistas da Universidade Carnegie Mellon, em Pittsburgh, nos EUA, realizaram um pesquisa com 128 pessoas saudáveis, entre 35 e 65 anos – todas com namorados. E a conclusão a que chegaram é, no mínimo, impressionante!

O estudo apontou que quanto mais relações tiver um casal, menor será sua felicidade. Ou seja: depois de incitar os voluntários a duplicar sua frequência sexual e realizar um acompanhamento de seu estado de ânimo com pesquisas diárias, concluiu-se que o aumento dos encontros amorosos leva a uma diminuição do desejo e do prazer sexual.

O artigo, publicado pela revista Live Science, aprofunda-se nesse ponto e explica que a felicidade e a sexualidade podem estar excessivamente ligadas a um erro de análise: a nova hipótese dos pesquisadores sugere que a felicidade tem sido associada ao sexo pelo fato de as pessoas terem mais relações sexuais quando estão alegres – isto é o que chamamos de causalidade inversa.